RADIO TAJENOJE

Mar 27, 2013

Arrependimento, um passo para salvação



Apocalipse 3:21
“21 E dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua prostituição; e não se arrependeu.”

Introdução:
Deus em sua santa Palavra continuamente faz uma chamada para que o homem se arrependa e volte para Ele, em seguida, quatro perguntas importantes que devemos fazer sobre o arrependimento.

1. O que é arrependimento?
1.1. O arrependimento é a tradução portuguesa da palavra grega "metanóia", que significa mudança de mente ou nosso pensamento, no entanto, essa idéia do NT é fortemente influenciada pela idéia hebraica que é "de volta." (1 Reis 17:13)
1.2. É o reconhecimento voluntário do pecado e da necessidade do perdão de Deus. (Salmo 51:3, 4)
1.3. É uma mudança de atitude que nos leva a uma nova direção em nossas vidas, essa mudança deve ser acompanhada pela fé. (Mateus 21:32)

2. O que não é arrependimento?
2.1. Não é simplesmente tristeza ou remorso por uma ação passada, vejamos  por exemplo,o povo de Israel, triste, mas não arrependido. (Números 14: 39-41).

2.2. Você pode estar profundamente envergonhado do ato ou comportamento anterior sem se arrepender sinceramente. Vejamos por exemplo o caso de Judas. (Mateus 27:3-5).

3. Por que é necessário para se arrepender?
3.1. Porque todos nós pecamos contra Deus não excetuando ninguém. (Romanos 3:23).
3.2. O pecado nos faz transgressores da lei, portanto somos culpados diante dEle (1 João 3:4, Tiago 2:10)
3.3. A falta de arrependimento nos traz a ira e o julgamento de Deus. (Romanos 2.5)
3.4. Porque se nós não reconhecemos a nossa necessidade de arrependimento e perdão, fazemos de Deus um mentiroso e nós mesmos nos enganamos. (1 João 1:8-10)
3.5. Porque é um mandato explícito de Deus para todos os pecadores. (Atos 17:30)
3.6. Porque essa é a vontade de Deus dirigida com amor e misericórdia para todo pecador. (2 Pedro 3:9)

4. Quais são os resultados de arrependimento?

4.1. Receba o perdão imediato de Deus e nos põe em comunhão com Ele (Marcos 1:4, Atos 3:19)

4.2. Produz  salvação no pecador que vem a Deus com um coração quebrantado e contrito. (2 Coríntios 7:10)
4.3. Verdadeira mudança de mente e de atitude e faz em nós um novo padrão de vida. (Mateus 03:08, Atos 26:20).

4.4. Fornece e prepara o coração para receber a promessa do Espírito Santo. (Atos 2:38).

Conclusão:
Temos compreendido a importância de arrependermos-nos dos pecados que pode adiar em nenhuma circunstância se aproximar de Deus se arrependeu e humilhado porque só n'Ele podemos encontrar alegria, felicidade e a salvação que o mundo não pode dar.


Read more: http://www.mefibosete.com/2012/12/sermao-estudo-arrependimento-esboco.html#ixzz2OlepSdeR

Não se envergonhe da sua fé



INTRODUÇÃO
Na mente humana é travada a batalha entre a fé (Hebreus 11.3) e a incredulidade (2 Coríntios 4.4). São por esses processos mentais que articulamos as nossas idéias, que vão dirigir todas as nossas ações. A incredulidade opera para que não aceitemos ao Senhor corno o Salvador de nossas vidas, enquanto que a fé nos faz aproximar de Deus. 
vergonha-ser-cristão
 FÉ é:
Confiar em alguém ou em alguma coisa. Como diz Hebreus 11.1, é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vêem. A fé opera no nosso entendimento tudo o que é de boa fama (Filipenses 4.8).


I. CAUSAS QUE LEVAM AS PESSOAS A NÃO CONFESSAREM A SUA FÉ:
1.1 — Por causa de outras pessoas: “... muitos dos principais creram nele; mas não o confessavam por causa dos fariseus...” (João12.42a).
As outras pessoas podem neutralizar a nossa fé. Sofremos pressão de amigos muitas vezes por causa da inveja de outras pessoas.
1.2— Por causa do lugar ou da posição social: “...para não serem expulsos da sinagoga” (João 12.42b.).
Muitas pessoas rejeitam o Evangelho porque temem perder a sua posição de destaque na sociedade. Porém, Jesus expõe as condições para quem quer segui-lo (Marcos 8.34-38).
1.3 — Amar mais o sistema do mundo: “Porque amavam mais a
glória dos homens do que a glória de Deus” (João 14.42).
Muitas pessoas amam mais os prazeres do mundo do que a
Deus. Não conseguem negar as suas vontades.

II. PORQUE DEVEMOS CONFESSAR A NOSSA FÉ:
2.1 — Porque o passo imediato à fé é a confissão
Conversão significa um novo pensar (1 Coríntios 2.16), um novo sentir (Colossenses 3.12) e um novo agir (Romanos 12.17).
2.2 — Porque a confissão cura as enfermidades espirituais Muitas pessoas sofrem doenças físicas e psicossomáticas porque não confessam a sua fé (I Coríntios 11.30).
2.3 — Porque a salvação é por meio da fé
Sem a confissão da fé, não poderá haver salvação (Mateus 10.32). Devemos ser uma carta aberta para ser lida pelos homens.
2.4 — Porque precisamos confessar a nossa fé para o mundo
Nós precisamos falar para o mundo que somos filhos de Deus e temos fé em Jesus (Mateus 10.32).

EXPERIÊNCIA DE VIDA
Quando eu estudava no ensino secundário, envergonhava-me de confessar a minha fé na sala de aula. Algumas vezes cheguei até a levar folhetos que ficaram guardados por muitos dias em minha pasta. Um dia decidi distribui-los no término da aula. E no dia seguinte, quando cheguei,fui escarnecido. Uns chamaram-me de Billy Graham, e outros gritavam aleluia. Mas depois de alguns dias adquiri o respeito entre os meus colegas que me procuravam em busca de algum conforto espiritual.

CONCLUSÃO
Se confessarmos a nossa fé diante dos homens, Cristo nos confessará diante do nosso Pai que está nos céus. Mas se nos envergonharmos de Cristo aqui nesta terra, também seremos envergonhados naquele último dia em que Jesus vier buscar-nos.




Read more: http://www.mefibosete.com/2012/12/nao-se-envergonhe-da-sua-fe.html#ixzz2OleN8csK

O que é espiritismo? E quais as suas doutrinas?




o-que-e-espiritismo
INTRODUÇÃO

Os reencarnacionistas usam textos isolados da Bíblia para respaldar os seus falsos ensinamentos sobre a reencarnação, porém esta é uma doutrina sem nenhuma base bíblica. É animal e diabólica.

ESPIRITISMO É:
Uma doutrina baseada na crença da sobrevivência da alma e da existência de comunicação, por meio da mediunidade, entre vivos e mortos, entre os espíritos encarnados e os desencarnados.


1. PONTOS FUNDAMENTAIS DA DOUTRINA ESPÍRITA:
1.1 - Evolução
Segundo o espiritismo, o homem, depois que morre, passa por um processo evolutivo, reencarnando várias vezes em outro corpo até atingir o estado de pureza espiritual. Porém, a Bíblia diz que somente o poderoso sangue de Jesus Cristo nos purifica de todo o pecado (1 João 1.7,9).
1.2 — Comunicação com os mortos
Os espíritas dizem que a comunicação com os mortos é possível.
Mas as Escrituras condenam veementemente esta farsa (Deuteronômio 18.9-12; Êxodo 22.18; Levítico 19.31; e 2 Samuel 12.21 -23).
TEXTOS DAS ESCRITURAS QUE OS REENCARNACIONISTAS
INTERPRETAM ISOLADAMENTE:
Eles dizem que:
2.1 — João Batista era o Elias reencarnado
Ensinam que a reencarnação somente acontece se houver morte. Porém, se João Batista é o profeta Elias encarnado, conforme dizem, este último deveria ter morrido. Elias não morreu, mas foi arrebatado em um redemoinho (2 Reis 2.1).
2.2 — Samuel conversou com Saul
Para sustentarem a sua falsa doutrina, os espíritas citam o caso da pitonisa de En-dor (1 Samuel28.1 1-19). Mas, na verdade, os médiuns espíritas não entram em contato com os mortos, mas sim com espíritos demoníacos enganadores.

SUBSÍDIO DOUTRINÁRIO
Deus proibiu que os seres humanos tentassem comunicar-se com os mortos; (ais tentativas resultam em comunicação com espíritos enganadores, demônios conhecidos como espíritos familiares, que estão a serviço de Satanás. Estes espíritos conhecem os seres humanos tão bem que podem disfarçar- se como sendo uma pessoa querida que já morreu.

CONCLUSÃO
O cristão não deve temer nem mesmo deixar que o espiritismo lance dúvidas na sua fé. A Bíblia não oferece nenhum respaldo para o espiritismo. Pelo contrário, as Escrituras Sagradas dizem que ao homem foi determinado morrer uma só vez, seguindo depois o juizo (Hebreus 9.27), quando cada um dará conta de si mesmo a Deus (Romanos 14.12).


Read more: http://www.mefibosete.com/2012/12/o-que-e-espiritismo-silas-malafaia.html#ixzz2OlM7WlOF

A importância da perseverança





sermao-esboco-perseveranca

Filipenses 3: 12- 17 " v. 12-
“....mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui alcançado por Cristo Jesus."

INTRODUÇÃO
A perseverança é uma das mais belas e maravilhosas virtudes encontradas na vida cristã, acredito que a perseverança é uma das características que compõe a base, a estrutura, o alicerce para garantirmos o sucesso, alcançando todas as vitórias almejadas na vida cristã. E, também acredito que o motivo de muitas derrotas, na vida de muitos cristãos é devido à abstinência desta admirável virtude que é a PERSEVERANÇA.

Qual a definição de perseverança?
Conservar-se firme e constante; persistir, prosseguir, continuar, Continuar a ser ou ficar; manter-se, permanecer, conservar-se, persistir, Conservar a sua força ou ação; continuar, perdurar, subsistir, persistir, Ter ou mostrar perseverança, firmeza; permanecer sem mudar ou sem variar de intento.

I. PORQUE PERSEVERAR?
Jesus nos mostrou a importância de perseverar, para alcançar a salvação."Mas aquele que perseverar até o fim será salvo", Mt 24: 13. Sem a perseverança você não pode alcançar a salvação, afinal ela é um ato feito pelo Amor de Deus, por meio de Jesus Cristo
A Bíblia nos mostra muitos homens e mulheres que perseveraram e obtiveram a conquista da sua vitória, a realização dos seus sonhos.

Exemplos bíblicos de perseverança:

Noé que perseverou, mesmo sendo criticado, humilhado, desprezado; contudo lutou na construção da arca e salvou-se juntamente com sua descendência.

Josué, perseverou em seguir ao Senhor, Js 24:15. O nome Josué no hebraico quer dizer: Jeová é Salvação e no grego significa Jesus. Josué era filho de Num, da Tribo de Efraim, era um servo fiel e companheiro de Moisés. Ele foi designado por Deus como sucessor de Moisés, e através da perseverança ele estimulou o povo a destruir Jericó e também sorteou Canaã as tribos.

Rute, foi uma mulher que perseverou diante de Boaz, mantendo-se intacta em sua reputação até ser redimida e tomada por esposa, Rt 4: 13. E por galardão de sua nobre perseverança, o seu nome foi inserido na genealogia de Cristo Jesus, Mt 1:5 .
“No Novo Testamento, Jesus o mestre da perseverança, nos ensina que devemos dar frutos com perseverança, Lc 8: 15 Jesus diz: ¨Mas a que caiu em boa terra são os que, ouvindo a Palavra com coração reto e bom, a retêm e dão fruto com perseverança.”

O apóstolo Paulo constantemente levava uma só mensagem em seu coração : "os exortavam a que permanecessem na Graça de Deus", At 13: 43.

Porém, entre todos os homens da Bíblia que vemos como exemplo de perseverança. Tomamos o exemplo de Cristo que logo no começo de seu ministério foi tentado por satanás, a não prosseguir; mas venceu este obstáculo, Mt 4: 10,11.
E após ter vencido esta difícil provação, que era de seus conflitos pessoais, os demais ele conseguiu superar, sendo vencedor nas provações seguintes. Sejamos, portanto, perseverantes em todo o trabalho que fizermos para Deus, em toda a nossa vida, II Cr 15: 7: “Vós, porém, esforçai-vos, e não desfaleçam as vossas mãos; porque a vossa obra terá uma recompensa.”

II. NÃO DEIXES DE PERSEVERAR
Tivemos alguns homens que desistiram de perseverar deixando-se levar pelo pecado e a perda da comunhão de Deus."
  • Judas, Mt 27:4,5"
  • Ananias e Safira, At 5:1-9"
  • Himeneu e Alexandre, I Tm 1:19,20.
Não podemos deixar de perseverar, porque a perseverança: " Nos conduz a salvação, Mt 24: 13" Nos torna santos, Cl 1: 22" Nos torna seguros, I Co 15: 58

III. AS MARAVILHAS DA PERSEVERANÇA
 A perseverança trabalha na natureza, no temperamento, no comportamento do cristão, tornando-o resistente para vencer os obstáculos, II Pe 1:4.
Logo, o cristão passa ter a mente de Cristo, I Co 2: 16 .A perseverança ajuda o cristão a vencer as provações e tribulações da vida espiritual, Rm 12:12 .A perseverança é sinal de vitória, II Tm 4:7. A perseverança produz vitória !!! O cristão perseverante não pode se separar de Cristo, Gl 5: 4 .

IV. A NECESSIDADE DA PERSEVERANÇA
 Devemos perseverar porque a Bíblia nos diz em Mateus 24:13 - "Mas aquele que perseverar até o fim, será salvo".
A Palavra de Deus também nos adverte em relação a apostasia, que significa: desviar-se da fé, desistir ... , não podemos parar, não podemos desistir, e sim, devemos seguir olhando para o alvo que é Cristo Jesus, I Tm 4:1-3; Mt 24:4-5. E satanás anda enganando, seduzindo o mundo, portanto não se deixe levar pelas banalidades desta vida, pelas camuflagens do inimigo, pois este mundo está rodeado de falsas aparências, seja um vencedor e tenha discernimento do Espírito de Deus para identificar as ciladas do inimigo, Ap 12:9; I Jo 2:16,17.

CONCLUSÃO
Arte da perseverança está renúncia, na busca constante da consagração e comunhão com o Senhor nosso Deus. É preciso abrir mão de muitos desejos pessoais, é preciso sacrificar as suas intenções naturais, para seguir no perfeito caminho da vontade de nosso Senhor Jesus Cristo.

Fonte Web Servos 

AS CARACTERÍSTICAS DE UM VERDADEIRO CRISTÃO



INTRODUÇÃO

Toda pessoa salva por Jesus Cristo deve manter-se irrepreensível e viver como um sincero filho de Deus, inculpável no meio de urna geração corrompida e perversa (Filipenses 2.15). Para isto, é preciso que o crente tenha as marcas de Jesus em sua vida.

 AUTENTICIDADE É:
Aquilo que é fidedigno, que pertence ao autor a quem se atribui. Aquilo que é verdadeiro, real, legítimo, genuíno.

I. O CRISTÃO DEVE TER AS MARCAS DA VIDA DE JESUS:
1.1 —Jesus andou fazendo o bem (Atos 10.38)
A palavra “andar” simboliza a característica de vida. O cristão deve ter as características de Jesus. Existem pessoas que fazem mal ao próximo e se dizem evangélicas (Gálatas 6.9; Tiago 4.17).
1.2 — Jesus tinha urna vida irrepreensível (João 8.46)
Jesus leve autoridade e atributos morais para se confrontar com os fariseus. O cristão deve igualmente ser honesto (2 Coríntios 8.2 1).
1.3 —Jesus teve compaixão (Mateus 9.36)
A igreja também deve ter compaixão dos pecadores. Deve sair ao encontro de quem está sem salvação.
1.4 — Jesus teve um crescimento padrão
Ele crescia em estatura, graça e sabedoria (Lucas 2.52). Vivenciou corretamente os estágios da vida. Espiritualmente, o novo convertido também deve crescer gradativamente de acordo com o ensinamento da Palavra de Deus.
1.5 — Jesus possuía uma autoridade inquestionável
Ele teve autoridade para expulsar Satanás (Mateus 4.10) e deu- nos também autoridade (Marcos 16.17,18).

II. VERDADES SOBRE A VIDA CRISTÃ:
2.1-O cristão deve morrer (2 Coríntios 5.14,15; Colossenses 3.5-10)
 Morrer para a prostituição (os pecados da área sexual), para as impurezas (os vícios que contaminam o organismo), para a vil cobiça (que atrai com maior força os desejos de sua natureza), para a avareza (o amor às coisas materiais e ao dinheiro), para a ira (que produz ódio), para a cólera (raiva que fica entranhada), para a malícia, para a maledicência, para a mentira.
2.2 — Despir-se do velho homem e vestir-se do novo (colossenses 3.9)
Paulo usa uma linguagem figurada para explicar que o homem precisa renunciar a sua natureza pecaminosa.
2.3 - Não viver mais para si (Gálatas 2.20,)
O cristão não deve viver em função de seus projetos egoístas. Por outro lado, ele não precisa abandonar o emprego e tornar-se um monge para ter uma vida santificada. Precisa, sim, muitas vezes, deixar de comprar o que quer e investir mais no Reino de Deus.

III. O CRISTÃO QUE TEM AS MARCAS DE CRISTO DEVE:
3.1 — Fazer tudo para a glória de Deus (1 Coríntios 10.31)
Assim como precisamos suprir as nossas necessidades básicas para nossa existência, precisamos também glorificar a Deus pelas mínimas coisas.
3.2 — Gloriar-se no Senhor (2 Coríntios 10.17)
Gloriar-se no Senhor significa valorizar a salvação e exaltar-se em Cristo Jesus.
3.3 — Ter uma vida com abundância (João 10.10)
Isto quer dizer uma vida completa e obediente a Deus.
3.4 — confiarem Deus não apenas nesta vida (1 Coríntios 15.19)
Se esperarmos em Deus somente nesta vida, seremos os mais miseráveis de todos os homens e estaremos fadados ao fracasso.

CONCLUSÃO
O cristão autêntico baseia-se no testemunho público de fé, obedece à Palavra de Deus e pratica em seu dia-a-dia o que prega e ensina.

A PROVIDÊNCIA DE DEUS - II Rs 6.1-7


A PROVIDÊNCIA DE DEUS - II Rs 6.1-7


images (1)


Com quais PROVIDÊNCIAS Deus entrou nesta história?
1. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL, ELE NOS FAZ VER QUE É PRECISO EXPANDIR - vs. 1.
_O cristão e a igreja que estão buscando crescimento espiritual sentem que não devem nem podem se acomodar, pois o nosso espaço sempre será pequeno.
_A Bíblia nos ensina em Isaías 54.2-3: "Amplia o lugar da tua tenda, e estendam-se as cortinas das tuas habitações; não o impeças; alonga as tuas cordas, e fixa bem as tuas estacas. Porque transbordarás para a direita e para a esquerda".
2. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL, ELE DÁ A DIREÇÃO - v. 2.
_Alguns cristãos pensam que hoje em dia Deus não mais dá a direção particular às igrejas ou aos cristãos; que Ele não mais nos diz o que deve ser feito.
_Quantos não estão enganados achando que devem trilhar caminhos próprios sem depender exclusivamente de Deus.
_Tornam-se auto-suficientes profissionais e acabam se esquecendo o que a Bíblia diz em João 3.27 e Tiago 1.17 (por exemplo).
3. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO, ELE PREPARA UM INSTRUTOR - vs. 3.
_Moisés instruiu Josué; Elias instruiu Eliseu; Paulo instruiu Timóteo; Jesus instruiu os discípulos.
4. QUANDO BUSCAMOS CRESCIMENTO ESPIRITUAL, ELE NOS LEVA À DIMENSÃO DOS MILAGRES - v. 6.
_Para o aprendiz de profeta que derrubou o ferro do machado na água, ali era o fim de seu ministério profético, entretanto, para Deus ali começava uma vida de milagre.
_O ponto final do homem é o ponto de partida de Deus.
CONCLUSÃO:
_Se buscarmos crescimento espiritual, Deus mostrará que é preciso expandir (pois o espaço pequeno);
_Ele nos dará a direção do que deve ser feito e, se isso não bastasse, Ele nos preparará um instrutor e nos levará a uma vida onde milagres acontecem.

Postado por Pr. Israel H. Daciolo

O BOM COMBATE, E OS TRES TIPOS DE CRENTE


O BOM COMBATE, E OS TRES TIPOS DE CRENTE - II Tm 4.7-8; 10; 14; 11


images (2)

 
- II Tm 4.7-8; 10; 14; 11 -

- Há uma carreira para seguir, um caminho pela frente; há um combate, isso mostra que nesta caminhada, não há facilidades, nem mesmo descanso.
- Há um combate diário a ser travado em nossas vidas.
- Mas a Palavra de Deus, também garante, no versículo 8, que há um prêmio preparado para aqueles que combaterem até o fim, aqueles que completarem as suas carreiras.
1. DEMAS - O CRENTE MUNDANO(10)
- O crente está no mundo, mas não pertence ao mundo (João 17.14-16) – Ele é propriedade de Deus;
- O crente é chamado a ser sal, luz, peregrino, embaixador, testemunha, bom perfume de Cristo, bom fermento, cartas vivas, pedras vivas;
Você foi colocado neste mundo, da mesma forma que: José no Egito; Daniel na Babilônia; a menina na casa de Naamã;
- Não podemos amar os prazeres mundanos (1 João 2)
- Os israelitas saíram do Egito, mas o Egito não saiu dos seus corações;
- A mulher de Ló saiu de Sodoma, mas Sodoma não saiu do seu coração;
- Demas era um crente mundanizado, por isso abandonou Paulo e foi para Tessalônica;
Qual é a sua Tessalônica? O que tem feito você abandonar a obra de Deus?
2. ALEXANDRE - O CRENTE PROBLEMÁTICO (14)
- Alexandre causou-me muitos males....
A Bíblia fala de pessoas causadores de males: Arão e o bezerro de ouro; Miriam e a sedição; Coré, Data e Abirão – rebelião contra Moisés; Absalão e a revolta contra seu pai Davi; Judas traiu Jesus – o joio sempre existiu;
Precisamos ter o cuidado para não sermos causadores de problemas pelo: mau uso da língua; nosso espírito crítico; nosso orgulho; nosso mau testemunho; nossa falta de cooperação; nosso espírito mesquinho; nossa imprudência; nossa falta de amor; quando somos ríspidos.
Atente para duas situações importantes:
a) Pedro foi um instrumento de satanás; Em Mateus 18.7 a bíblia adverte: “ai do homem pelo qual vem o escândalo”
Devemos fazer um auto exame:
- porventura tenho causado problemas na minha igreja? Tenho sido motivo de escândalo para alguém? Tenho entristecido o Coração de Jesus?
- Não fique desanimado se você tem falhado – mas submeta-se ao Senhor e procure ser uma bênção.
3. LUCAS – O CRENTE FIEL (11)
- Só Lucas está comigo...
A bíblia testemunha amizades verdadeiras:Davi e Jônatas; Rute e Noemi; Jesus e seus Discípulos (Pedro, Tiago e João; Marta, Maria e Lázaro);
- Na nossa hora mais difícil, precisamos de pessoas fiéis ao nosso lado
- Você não pode ser fiel a Deus, se não consegue ser fiel ao seu pastor, Se não consegue ser fiel ao seu irmão;
- Você tem sido fiel a Jesus? a sua igreja? Aos seus princípios; aos seus irmãos?
CONCLUSÃO:

- Vida Cristã é uma vida dinâmica e sua posição diante do mundo, dos irmãos e de Jesus, conta muito.

Fonte: www.ibipatobranco.org/
Postado por Pr. Israel H. Daciolo

CINCO VERBOS QUE FAZEM A DIFERENÇA.



 

Texto: Salmo 37.3-7


Introdução
> Você já passou por um momento de intensa ansiedade, preocupação, agitação, inquietação?
> Você já passou ou está passando por uma situação em que algo o incomoda intensamente? Lhe causa grande indignação? Ou então, você já passou por uma situação em que você está sendo muito injustiçado? (ver os versos 1, 2 e 6).
Transição
> Em momentos de ansiedade, preocupação, agitação, inquietação, indignação, etc, devemos procurar ter atitudes corretas para com Deus.
> O texto nos mostra algumas atitudes corretas que devemos ter para com Deus em momentos assim.
I.) Confia no Senhor – v. 3
Definição de Confiar: “Ter fé, esperar, ter confiança”
> Ver Sl 31.19; 32.10; 34.22; 125.1; Pv 3.5,6; 29.25; Is 26.3,4; 50.10.
Você tem confiado no Senhor?
II.) Agrada-te do Senhor – v. 4
Outras traduções: “Deleita-te (EC); Que a sua felicidade esteja no Senhor (NTLH)”
Contente-se, satisfaça-se, delicie-se, tenha prazer com o Senhor. Que o seu contentamento, que a sua satisfação, que o seu prazer esteja no Senhor, nas coisas de Deus e não em outras coisas.
Muitos têm colocado sua alegria em falsos substitutos para Deus. O homem sempre terá algo que será seu objeto de adoração. Se não for Deus, será qualquer outra coisa: prazer, dinheiro, poder, etc.
> Ler Jr 2.11-13.
> Exemplo de Marta e Maria (Lc 10.41,42). O objetivo de Maria era se deleitar no Senhor!
Promessa para aquele que se deleita no Senhor: Deus satisfará os desejos do seu coração!
> Onde tem estado o seu contentamento, a sua satisfação, a sua felicidade?
III.) Entrega o teu caminho ao Senhor – v. 5
> A palavra hebraica traduzida entrega é literalmente “rolar”, como no caso de se ver livre de um fardo.
Definição de entregar: “Passar às mãos de alguém; Render-se; submeter-se; Dar-se, dedicar-se inteiramente”.
O que devemos entregar? O nosso caminho, a nossa vida, todos os aspectos de nossa vida e de nossa existência.
> Muitos têm “retido”, “segurado” seus caminhos, querendo viver de acordo com sua própria vontade. Querem ser os donos de suas próprias vidas. Com isso suas vidas tem se tornado um verdadeiro fardo!
> Exemplo de Saulo transformado em Paulo – ver At 26.14. Paulo se recusava em entregar os seus caminhos ao Senhor e com isso só feria-se a si mesmo (Dura coisa é recalcitrares contra os aguilhões).
> Que tal rolar sua vida, seus caminhos aoscuidados do Senhor? Que tal passar o comando de sua vida às mãos de alguém que pode controlá-la com eficácia? Que tal render-se, submeter-se à vontade de Deus? Que tal dar-se, dedicar-se inteiramente a Ele?
IV.) Descansa no Senhor – v. 7
Definição de descansar: “Livrar de fadiga, de trabalho; Apoiar, assentar sobre alguma coisa; Tranqüilizar; Repousar; dormir ou estar deitado”.
> Vivemos muito agitados, muito preocupados, muito ansiosos. Precisamos aprender a descansar no Senhor, a nos apoiar, a repousar nEle. Ler Sl 131.2; Mt 6.25; Fp 4.6,7; 1 Pe 5.7.
Você tem descansado no Senhor?
V.) Espera no Senhor – v. 7
Definição de esperar: “Aguardar; Contar com; Ter esperança; Confiar”
> Ver Sl 27.14; 40.1; 62.5; Is 40.31; Lm 3.25,26.
Temos esperado no Senhor?