RADIO TAJENOJE

Mar 27, 2014

Dá-me os teus ombros


Dá-me os teus ombros
Texto: Números 7:7-9

Introdução: Os filhos de Coate não tinham carros para transportar a carga do tabernáculo. A família de Gérson transportaria as coisas mais leves do tabernáculo e por isso precisavam de “dois carros e quatro bois” (Números 7:7). 
A família de Merari transportaria as coisas mais pesadas do tabernáculo e a eles foi dado “quatro carros e oito bois” (Números 7:8). A razão pela qual a família de Coate levaria a carga sem carros e sem bois era porque eles transportariam a carga sagrada que estava dentro do lugar santo e do lugar santíssimo“sobre os ombros”. 
Observe que todas estas famílias tinham que fazer um trabalho, uns mais leves outros mais pesados, mas todos tinham que dividir se no trabalho de mover o tabernáculo de um lugar para o outro. Há cargas sagradas que só os ministros de Deus, homens e mulheres podem carregar, e não a podem transportar com carros e bois, mas sobre os ombros. Todos nós temos a responsabilidade de levar cargas e fazer o trabalho que Deus nos ordenou. 
Deus diz claramente a mim como pastor, a você como líder e a você como membro “Dá-me os teus ombros”. Esta é a mensagem que Deus nos tem dado para compartilhar hoje.

I. Deus está buscando crentes com ombros de oração

1. O diabo busca crentes religiosos, que sejam apáticos à oração. Muitos crentes se encontram sem tempo para orar. 
a. O diabo gosta disso. Temos que orar para que nós sejamos cristãos com ombros fortes de oração. 
2. Ore muito ou ore pouco, o importante é que entres na presença de Deus e tenhas um encontro com ele. 
3. O apóstolo Paulo no livro de Efésios capítulo 6:18 nos diz:
 “Orando em todo tempo com toda oração e súplica no Espírito.” 
a. A segunda arma defensiva do crente é a oração. 
b. Com nossa oração vencemos o diabo e os demônios quando a empregamos para repreendê-los e resisti-los. Nela nos apoiamos para fortaleza. 
4. Sem a oração não podemos ser crentes vitoriosos. Se perdermos os ombros da oração vamos perder nossas forças espirituais.

II. Deus está buscando crentes com ombros de santidade

1. Em 1 Samuel 9:2 lemos: “Este tinha um filho, cujo nome era Saul, jovem e tão belo, que entre os filhos de Israel não havia outro homem mais belo do que ele; desde os ombros para cima, sobressaía a todo povo.” Saul era belo e sumamente alto. Os crentes manifestam e destacam sua santidade. Precisam ser altos em sua vida moral e ética. Tem que ter estatura em seu caráter santificado. Na vida privada o em público se verá que dos ombros para cima sobressai a todo povo. 
2. Deus está dizendo não percas teus “ombros de santidade”. Sem ombros de santidade diremos como Sansão: ”... ir-se ia de mim a minha força e me enfraqueceria e seria como todos os homens” (Juízes 16:17). 
3. Logo lemos que Sansão se tornou o crente caído, o homem natural, já que sem o Espírito Santo somos naturais e comuns: ”... e começou a afligi-lo, e retirou se dele a sua força” (Juízes 16:19), e quando despertou a “kryptonita” do pecado lhe tirou as forças. A Dalila que o havia tentado, o mortificava, o molestava e ria-se dele. 
4. Assim é o inimigo das almas quando um filho de Deus se deixa cortar com a tesoura do pecado. 5. Sansão porque perdeste teus “ombros de santidade”?

III. Deus está buscando ministros com ombros de integridade

1. Deus ama a integridade de caráter naqueles que lhe servem. No Salmo 33:1 diz: “Regozijai-vos no Senhor, vós justos, pois aos retos convém o louvor”. 
2. O cristão com ombros de integridade é reto, é exemplar é honrado. A integridade de Jó se resume nesta pergunta de Deus a Satanás: “Observaste tu a meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem sincero, e reto, e temente a Deus, e desviando-se do mal.” Jó 1:8. 
3. Precisamos de crentes nestes tempos de falta de caráter com ombros de integridade, que sejam crentes de uma só palavra. 
4. Homens e mulheres de Deus que não sejam mentirosos, caluniadores, adúlteros, fornicários, homens e mulheres que dentro e fora da igreja mantém sua integridade a Deus.

IV. Deus está buscando crentes com ombros de amor

1. Deus está buscando ombros de amor. Crentes que através dele flua o amor aos perdidos, seu amor pelos fracos, seu amor pelos afligidos... Pessoas que sejam comunicadoras do amor. 
2. O sacrifício de Jesus Cristo no Calvário foi rotulado com o sangue do amor.

Conclusão: Deus está buscando ombros que possam levar as cargas da pregação; das missões, do ensino, do pastorado, a carga de servir a Igreja. Ele te diz hoje: “dá-me teus ombros”

Pr. Aldenir Araújo